30.5.13

Sobre todas as despedidas que ainda terei de fazer...


Essa semana fui no meu emprego que sai no inicio desse mês receber recisão... Fica numa cidade pequena de gente amistosa e receptiva chamada Casimiro de Abreu. 

O que vai ficar desses 7 meses em Casimiro é um saudade grande e deliciosas lembranças de uma gente muito bonita no sentido mais amplo que a palavra pode alcançar.

No caminho pra Casimiro eu passava por dois vilarejos, Professor Souza e Rio Dourado... Sempre que passava por Rio Dourado tinha um homenzinho, um anão mesmo, sentado num banquinho em baixo de um árvore segurando uma bengala... Qdo fui receber minha recisão, como foi fora do horário normal, achei que não estaria lá.. Mas me enganei, o homenzinho estava.

Ele estava assim como a igreja estava no centro da praça, como as pessoas iam trabalhar no PJ (o principal comércio da cidade), como o burro que fica amarrado numa árvore próxima a linha do trem tb estava.. Tudo estava no lugar.... Como se estivessem me esperando.

No meu trabalho equipe e assistidos estavam lá e me receberam com um largo sorriso.. Na hora de ir era almoço, faziam galinha ensopada com aipim, insistiram pra que almoçasse com eles e eu, naturalmente, provei do gosto de Casimiro pela última vez. 

Casimiro é daqueles lugares que reforçam a certeza que a beleza da vida está na simplicidade de todas as coisas... E até eu, que sou meio ogro, que não sou muito fã de poesias e firulas para narrar a imagem que está diante da janela me sinto convidado a ser mais terno com o uso das palavras qdo preciso me despedir de Casimiro...Não escrevi um soneto, nem contei estrofes ou sílabas, mas pintei e expus meus sentimentos com algo de vintage na tentativa de fazer a narrativa tão bela, mágica e doce tal como é a Casimiro, a cidade que leva o nome de um poeta e é por si só, uma grande poesia.


Adeus, Casimiro!!!

26.5.13

Os Novos Vizinhos - (Irmã Metralha e Curitibano)






Vitoria do povo de Deus!!!! Essa frase define meu sentimento com a saída de Amy Winehouse e Lolito da Vila do Chaves... Ficou, além  e nós, o casal gay e Bob Marley... Casal total coadjuvante, um sonho de vizinhos.. Não emitem som, nem cheiro, nem visão... Nada...

Bob é aquilo.. Eventualmente fuma um baseado, toca uma guitarra, ou uma bateria, mas sabe???? Nada que me atrapalhe de ver o Jornal Nacional, tá dentro do nivel de incomodo aceitável entre vizinhos. 

Entraram na parada.. A Irmã Metralha e o Curitibano... Vamos começar com ele...

Primeira ocorrencia dele na nossa vida se deu pela voz, ouvimos ele falando com o locatário lá em baixo, e Calopsita se umidificou por que a pessoa lubrifica com sotaque (ainda bem que diferente de Suzana Vieira eu tenho pacência pra principiante)... Depois vimos de relance e percebemos que era loiro.. Loiro com sotaque do Sul??? Desejado pelo meu marido... Mas querem saber???  Desejei tanto Lolito que achei até justo, God n da mole...

O lance é que o tempo foi passando e a realidade do Brasil foi acontecendo... O primeiro incômodo é que ele lava roupa pra fora.. ÚNICA EXPLICAÇÃO... Nosso cantinho aqui é super bonitinho, tem uma vibe praieira haribo.. Só que a pessoa coloca 2411 roupa penduradas na varanda da frente e sabe??? Um negocio que tem esse clima aqui:


Ganha esse:


Acho inclusive que deveria diminuir meu aluguel... Não bastasse isso, pra aumentar o clima de pombal o rapaz curte ficar sentado ao lado do varal tomando uma cervejinha nas noites de solidão ouvindo uma música estranha... Meio Aviões do Forró, meio Mastruz com Leite.. A treva, n fosse o sotaque ia jurar que era do Pará. Dia desses o vi de perto, no sol, luz do dia pela primeira vez.. A cara do Mr Been.. Cara de Peru total... Sinceramente, Curitibano foi uma grande desilusão, esperei um homem loiro, alto, de hábitos sofisticados e encontrei uma lavadeira forrozeira.. #chateado

A Irmã Metralha chegou aqui um dia pedindo um garfo emprestado para Calopsita (sempre ele) que dessa vez até deu boas vindas. Conversando ela apresentou o namorado e ele, por sua vez, perguntou se tbm morava ali com ela. Rapidamente a danada respondeu: Ainda não, tá de palhaçada, mas logo trago pra cá de vez!!!

ADORO!!!

Divertida ela, ri alto e é muito puxadeira de assunto.. Meu drama começou foi no último sábado... Namorado tava ai, ela resolveu colocar um carro de som tocando funk... reclamei tanto de Amy com seus amigos tocando violão ao som de Back to black e olha o que a vida me reservou?? Ok, n passou das 21:00, mas me atrapalhou com o Jornal Nacional.. O mais engraçado foi Bob Marley tentando tocar a guitarrinha de sábado dele concorrendo com o carro de som... rsss... Perdeu, Baby.. Perdeu!!!!

Fico impressionado com a disposição das pessoas de fazerem festa em kitnet, sabe??? A casa de Amy de longe ficava parecendo um caminhão de retirante... Mas enfim, né??? Eu que sou chato!!!

Mas querem saber??? Tá valendo!!! Com todos esses problemas eles tem uma caracteristica linda... Trabalham!! Por que até então eu era o único anormal que batia ponto as 08:00 e saia as 17:00 e ai minha rotina tinha que ser diferente mesmo... Agora convivo com gente que tb tem sono depois da novela e que no final de semana dorme mais tarde um pouquinho!!!

Bem.. Essa é a nova configuração da Vila do Chves, eu sou Gato de Cheshire o seu correspondente que tem compromisso com a informação, compromisso com a verdade!!!

Tchau Brasil!!!!

24.5.13

Theo Chen

Theo Chen é um garoto de 12 anos que vive em Cingapura e virou uma webcelebrity por postar videos na internet fazendo versões de músicas famosas. Até ai tudo bem, o grande lance é que nessa onda o moleque passou a sofrer homofobia tanto pela via da net como na escola.

Daí ele resolveu fazer um vídeo falando sobre o tema e as imagens se destacam pela sinceridade e espontaneidade que o tema é tratado. A mensagem basicamente é: Só tenho 12 anos, n sei se sou gay, por enquanto gosto de meninas, ma se gostasse de meninos, qual seria o problema???? 


Ele poderia adotar um discurso homofóbico aqui, dizer que não era viado e se unir ao coro pra se defender, era tão mais fácil... Mas não.. Com muita naturalidade demostra não entender em nada o porque das pessoas fazerem isso e argumenta dizendo que se n gostam dos seus vídeos é só não vê-los, que não deveriam agir assim e que ele com 12 ano já entende isso, por que as pessoas não entendem???

Com  sua simplicidade de garoto ele passa a mensagem. Logo que vi o vídeo pensei no blog, mas confesso que fiquei reticente em colocar... Ando muito cansado nas minhas falas acerca de homofobia sempre nadando contra maré. A verdade é que se trata de um vídeo bacana que a priori geral vai bater palma, mas a verdade é que na práxis não é assim que rola. Muitos que até vão apoiar o vídeo levantam a bandeira que o seu respeito ao gay está ligado o quão afeminado ele é... Pq se for muito afeminado, "uma bichinha escrota", se fala alto no ônibus, se rebola, vira os olhos ou quebra a mão merece a homofobia.. Como diz um amigo, merece lampada na cara.

Me identifiquei em alguma proporção com a pureza do questionamento do Theo por que vivo perguntando isso as pessoas: Por que??? Por que o fato dela n ter a voz que corresponde a sua expectativa de como deve ser a voz de um gay faz ela merecer ser agredido??? 

Foi por isso que qdo botei o vídeo dos meninos fazendo quadradinho de oito no meio da rua numa comunidade pobre aplaudi de pé mesmo... A questão aqui não é o valor musical ... O grande lance é o quanto eles se impõe com aquele vídeo.. Não é o gay da novela das oito.. Gays, afeminados, fora de um padrão convencional de beleza e muito a vontade pra se apresentarem no meio da rua sambando na cara da homofobia. 

É preciso ter coragem para nadar contra maré... Seja o bonde das GV ou Theo Chen levam a minha admiração e respeito por  ir de peito aberto, fortes em suas fragilidades e firmes nas suas convicções.

20.5.13

Amor a Vida



Primeiro capítula da novela hj.... Dividida em dois blocos...

1º - Paloma de Oliveira uma mocinha chata e mimada briga com a mãe malvada na viagem em que fazia com a família ao machu picchu para comemorar sua passagem no curso de medicina (oi??). Ela conhece um hipponga, o irmão dela malvado conta que ela é adotiva, ela da pro hipponga e eles se apaixonam perdidamente após o cruzo (oi???). Viveu pela estrada até engravidar, decidiram voltar pro Brasil depois que engravidou, o namorado resolve traficar droga pra pagar a passagem e é preso.

Abertura - Música ruim do Daniel (oi??)

2ª - Ela volta sozinha e pede ajuda ao irmão malvado, ele sugere que ela vá para a casa dos pais (que são médicos e donos de hospital) e finja que não está grávida disfarçando a gravidez com roupas fashion confeccionadas por sua esposa estilista (oi??)... Ela fica em casa durante toda a gravidez, perto de ter o bebê ela resolve fugir de novo no dia de uma festa de família (oi???), a mãe descobre e grita que ela tá fugindo, o pai infarta. Ela sai, reencontra o namorado, eles vão pras quebradas, ele fica bêbado e ai ela descobre que ele não é muito dado a paternidade (né?)... Eles brigam, ele vai embora e ela vai pro banheiro do bar... Começa o trabalho de parto, uma desconhecida a encontra, faz o parto dela no banheiro sem ng perceber (oi???), pega o bebê limpo (como???)  coloca entre a mãe e o sanitário, via embora com o celular dela(hun??). O irmão bicha má a encontra e certo de que está morta resolve sumir com a filha que seria herdeira do hospital tb. Deixa o bebe no lixo e Malvino Salvador que acaba de perder mulher e filho num parto a encontra...

Fim - Mais Música ruim do Daniel

No final da novela eu me sentia mais ou menos assim:


17.5.13

#VAZAJORGE

Alguns dias antes do primeiro capítulo de Salve Jorge fiz um post em que chamava Gloria Perez de louca e nego veio em defesa... No primeiro capítulo fiz um post dizendo o por que achava que a novela seria um coco e mais gente defendeu.

Daí fiz algumas apostas... Foram elas:


1 - A historia ficou muito mirabolante
2 - O protagonista desapareceu na trama
3 - Os personagens principais não terminaram juntos
4 - O final ficou embolado pk mais da metade das principais tramas não se resolveram até os 45 do segundo tempo.
5 - Os cenários e as roupas foram tão lindos que até vai valer a pena passar um olho com a TV sem som enqto vc tá no PC.

Só errei o três e parcialmente o cinco.. Praticamente um babalaô!!!!

Cara, eu poderia levar horas falando sobre os erros e problemas de Salve Jorge, mas vcs estão carecas de saber, o que interessa é o resultado de toda essa cagada que rendeu em índices baixíssimos de audiência e uma novela ridicularizada pelo público que levava Gloria Perez a viver desesperadamente tentando se defender pelo twitter.

De alguma forma a sucessão de erros não deixou de ser estratégia, acho que a novela ou bem ou mal ficou mais badalada do que outras que foram até mais bem feitas porém insossas. Eu sou um bom exemplo de quem passou a  ver de tão ruim que ela era... Comecei a assistir após a morte da personagem de Carolina Dickman, achei a cena tão ridícula que quis ver o desdobramento e cada dia era uma gargalhada mais alta que a outra.

Depois dela fico me perguntando se realmente alguém vai dar moral a Gloria Perez de novo, Vera Fisher que sempre esteve em suas obras após fazer uma personagem que vivia sentada e era totalmente inútil na trama vai pra TV bêbada dizer que o papel era humilhante... Carolina Dickman pede para sair da novela, Claudia Raia é obrigada a ir pro Faustão dizer que a injeção letal de Livia Marine é uma prática recorrente dessas máfias que traficam gente... Muita gente humilhada.

Fora os grandes artistas que ficaram em plano terciário... Nomes como Rosi Campos, Stenio Garcia, Nicete Bruno, Nivea Maria, Natália do Vale, Jandira Martini, Cissa Guimarães e uma infinidade de tantos outros que nem me estranha que não tivessem final, já que não tiveram nem início nem meio.

Outros no inicio até pareciam que iam ter destaque, mas sumiram a ponto de também não ter final como Caco Ciocler, Murilo Rosa, Oscar Magrine, Fernanda Paes Leme e etc....

Bem,.. Vamos ver o que nos aguarda com Walcir Carrasco, primeira novela dele das oito o que me leva a crer que não vai fazer nada do nível "Pé na Jaca" ou "Uga Uga"... #OREMOS

De Salve Jorge a única coisa que realmente vou sentir falta é de ler o Agnaldo Silva sambando na cara de Gloria Perez no twitter e nada mais... NADA MAIS...

Fica aqui uma palinha com gostinho de quero mais....

Como não amar esse danado????



16.5.13

Um novo amor...




A semana tá mega corrida  minha gente.. Semana passada sai de um dos meus empregos e essa semana comecei em outro, nesse mesmo período tenho voltado aos médicos pra fazer exames e o Calopsita pegou uma pneumonia... Tah tudo um vuco. Hoje sai de casa as 07:00, trabalhei até as 19:00, fui fazer compras depois, arrumar as coisas nos armários, ver janta e zas.. Morri!!!

No meio de toda essa loucura comprei meu primeiro smart, sei que naturalmente to bem atrasado em relação a blogsville que é lugar de uma gente linda, moderna e high tech, mas devo dizer que tem sido uma emoção a cada descoberta e uma descoberta a cada minuto.

Acho que foi a primeira vez que comprei um cel mais caro na vida e n me arrependo. Comprei o samsung grand duos, pk n vivo sem celular de dois chips jamais... N da pra abrir mão nem do tim, nem do vivo e n tenho saco pra carregar nem um celular, o que dirá dois.

Não imaginava que era tão viciante, a infinidade de coisas que o Android de proporciona e o mundo de facilidades me fez pensar como que vivi sem isso até a última segunda. Nem chego mais em casa cheio de fome pro lado do PC, o bichin tá até enciumado.

O mais engraçado somos eu e Calopsita deitados na cama vendo TV com ele no tablet e eu no smart, por vezes teclando na mesma conferencia... Cena mais nerd da vida, eventualmente a gente ri de alguma coisa que o outro escreveu, se chama de palhaço e se bate sem precisar de aplicativo pra isso.

E é isso, Brasil... Em breve esse blog volta ao ritmo normal, aguarde e confie..
Beijos e me WhatsAppa, me instagra, me foursquara, me scroffa, me facebuka, me liga, me visita!!!


10.5.13

Depois que Lolito se foi....




Encontrei com a locatária pintando a kit do lado, que pertenceu a Lolito... Cama quebrada, TV com defeito, uma parede com um pintura psicodélica e o móvel de alvenaria de madeira que tem na sala com prateleiras serradas para que ele fizesse outra decoração.

rysos...  Eu que sou estresssado, né??? Eu que sou chato, né??? Muito educadinho, muito simpático, muito bicho grilo, mas opa.. Destrói a casa da pessoa inteira... Só eu sei, baby.. Deus me livre desse monstro.. Foi tarde!!!

Novo Visual do Belo



 É isso....


Sem mais...

9.5.13

Eu quero me comunicar...



Mudei a configuração de comentário do blog pra me dar a opção de comentar os comentários das pessoas.... Ando sentindo falta disso, além de invejar o modelo no blog do Foxx. No post sobre anônimos várias pessoas me escreveram coisas super-bonitas e eu me sentia um mudo recebendo elogios. 

O Jansen me questionou naquela ocasião o fato de nunca ter sido citado e no penúltimo post me questiona se foi no blog dele que li a notícia da Professora Helena (e de fato foi), mas sabe?? Não tinha como responder. Das poucas vezes que respondo as pessoas não veem pk não é um costume e nem há um espaço então nego não volta... Mas agora isso mudou, vou responder a todo mundo... Nem que seja com um "risos".. E se vc é daqueles que sempre responde ao comentário a gente vai entrar no looping eterno dos comentários da politica da boa vizinhança. 

Nos amaremos pra sempre, Brasil!!
Que assim seja
Amém!!!!

O Pinto do Jon Hamm



Quem é ele na fila do pão?? Que filme ele fez??? De onde vc conhece?? Aliás... Vc conhece??? A resposta muito possivelmente é não, mas o fato é que o ator de 42 anos, na entrevista que deu pra Rolling Stones Brasil nesse mês desabafou e disse estar de saco cheio da moda dos paparazis de tirar foto do seu pacote, que reza a lenda, tah sempre generoso por que ele anda sem cueca.

Chateado o astro (?) diz: "Estou de calça caramba, da um tempo"...

rysos.. Achei engraçado, sabe??? Parece o adolescente que se veste todo de preto, passa batom preto, pinta a unha de preto, o cabelo de roxo  o olho de lilás e depois reclama que todo mundo tah olhando... Bota a porra da cueca, minha gente.. Sujeito é uma pessoa pública, sabe??? Qual o problema?? Alergia??? Compra uma 100% algodão.. Ou então para de cu doce e deixa o povo fotografar, afinal, n sei nada que ele tenha feito, mas já sei que ele é tiozinho sem cueca... Fica a dica!!

Segue ai em baixo algumas das badaladas fotos...






Ai fica difícil, né???

8.5.13

Professora Helena Totally Crazy...



E foi no meio de uma das semanas mais corridas da minha vida que li uma notícia que me levou a crer que tá surtado pra todo mundo.

O que aconteceu foGabriela Rivero, a Professora Helena da versão mexicana de Carrosel, foi expulsa "Mi Sueño es bailar" (uma versão da dança dos famosos num canal Latino nos EUA) após ser pega pelas câmeras da emissora riscando o carro de um dos jurados a chave, após ter sido esculachada por ele qdo julgou uma de suas performances. Gabriela saiu escoltada do palco pela policia e  agente fica achando que esse tipo de cois só acontece nos CIEPs qdo a galera do EJA toma zero nas provas... Ai em baixo segue o vídeo da Doida

Se eu fosse opinar o vestido dela, me riscava inteiro

Vou mandar um e-mail da Sonia Abrão,, a situação merece ligação pro México e comentários de psicólogos, parapsicólogos, pedagogos, pastores e outros bichos!!!

5.5.13

Adios, Lolito....



Depois de uma semana tumultuada que uma visita dele se ofereceu pra fumar maconha no meu quintal com as minhas, ele sai no táxi junto com a mãe e entrega a chave para Locatária...

Adeus exu sem luz... Gostosinho, mas ordinário!!!!

A Serpente (Shé)



Semana movimentadíssima...

Mas dizer que foi movimentada e cheio de trabalho é pouco perto do tamanho de tudo que de fato anda acontecendo.. Esse ano foi um ano que começou com doença e desde que coloquei os pés no chão novamente nada para de mudar. Meu relacionamento entrou num looping fantástico de dar frio na barriga, mudanças radicais no meu trabalho e algumas outras promessas mostram que 2013 será um ano que que vai virar do avesso o eixo do meu mundo interior. 

A proporção das mudanças são tantas que fui dar uma olhada no Horóscopo Chinês pra ver se esse era o ano do meu signo (Javali) e não era... Olhei o último ano que tinha sido e vi que era 2007, um ano muito de "meio" pra mim, sem grandes alterações. Concluindo a faculdade, um ano de namoro com o ex-Dawson's Creek... Sem grandes apelos mesmo.

Só que nessa pesquisa descobri uma outra coisa interessante ... Descobri que o horóscopo Chinês tb tem ascendente e ai vi que o meu ascendente é a Serpente e pasmem.... Esse ano é o ano da Serpente. O último ano da serpente anterior a esse foi 2001. O final do meu segundo grau, onde firmei amizades que carrego comigo até hoje e fixei um self de uma pessoa popular/carismática.

Lendo sobre a serpente me identifiquei bastante com suas características e to começando a acreditar que os anos de serpente são de fato promissores. No meu caso devo dizer que tem sido um ano de coisas improváveis que vem pra virar a rotina do avesso, dar uma sacudida na poeira.

Nessa semana tive uma pequena ilustração acerca disso... Ao chegar em um dos meus trabalhos (o que trabalho a menos tempo e tenho menos intimidade com as pessoas), fiquei sabendo que o pai de uma colega tinha falecido. Em função disso não funcionamos no período da tarde, toda equipe foi pro velório e num dado momento, quem quisesse, seguiria pro enterro e quem quisesse ia embora pra casa. Pensei então que seria ótimo ir pra casa mais cedo... Mas no meio do velório  minha coordenadora disse que o cemitério era num lugar de difícil acesso, no meio da serra e que tinha de atravessar uma ponte estranha. Fiquei curioso e resolvi pagar pra ver... Alguns minutos subindo a serra por uma estradinha, depois numa outra estradinha de chão até chegar num lugar entre nada e lugar nenhum onde havia uma ponte que era feita com duas ripas de madeira, um vergalhão e alguns arames.... A ponte era enorme e só dava pra ir em fila indiana... Após atravessar,  ao chegar do outro lado, vc encontrava um lugar absurdamente grande, com montanhas infinitas e no meio disso tudo um quadradinho com um muro na altura do meu peito onde ficava o cemitério. Fiquei estarrecido, parecia que tinha atravessado um portal pra outra dimensão. Ali no meio daquela imensidão, acompanhando um enterro tirei algumas fotos e fiquei pensando sobre o quanto a vida tb é imensa e frágil como aquele cemitério ou aquela ponte, que ilustravam a simplicidade do fim perto do tamanho absurdo de toda essa viagem.

Sinto a sensação, em maio de 2013,  que isso é só o começo desse ano louco e absurdo que pertence a essa fatal Serpente.